quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Caso 40



Os Montecchios e os Capuletos são egrégios inimigos por razões tão antigas e ponderosas que atualmente já ninguém consegue identificar, não fosse uma das verdades da vida que muitas vezes não conseguimos exprimir as motivações para as nossas inimizades e íntimas frustrações. Porque o irracional não consegue racionalizado.
A ira das famílias de Verona conheceu o seu clímax quando os olhares de Romeu se entranharam nos de Julieta e a testosterona arrebatou a mente dos trágicos apaixonados. Porque Romeu era tímido deixou passar semanas que se converteram em meses sem se aproximar, até ao dia que deu banho a Julieta: era a sua forma de dizer I lavo you. 
Mas apresentemos as personagens: Julieta era filha da Senhora Capuleto e de um trolha da Ariosa, mas vivia uma paixão extraconjugal com alguém que o pudor me impede de identificar, sendo que, este misterioso amante, partilhava casa, mesa e outras liberdades com Rosalina, há cerca de 4 anos, mas, devido a esta absurda paixão, decidiu obriga-la a abandonar imediatamente a casa em que vivia, porquanto ele era o legítimo proprietário da mesma.
Como o meu discente não ignora, Julieta e Romeu achavam que se amavam e queria casar e fazer gémeos, mas as famílias eram do contra, foram ao Boticário comprar uma poção fatal para se suicidarem por amor, mas como estavam convencidos que morrer é coisa para doer, decidiram antes fugir numa vespa graciosamente amarela e casaram um contra o outro, no dia em que ela comemorou dezassete anos. Refira-se que a vespa, foi uma prenda de casamento que Julieta ofereceu ao seu marido.
Mas apesar do casamento e do desejo proclamado de ter um bando de pequenos romeus com caracóis, Julieta continuava obcecada pelo ex-namorado e passava o dia a persegui-lo com sms a oferecer o seu amor. Como não resistia a tentar seduzir jovens musculados e com um grande carácter.
Por sua vez, Romeu, também de 17 anos, porque desistiu da escola e não conseguiu um emprego que lhe permitisse sustentar a sua deliciosa esposa, decidiu dedicar-se à prostituição e à pornografia; neste momento, a sua principal fonte de rendimentos eram os vídeos que fazia com rapazes de 13 anos, com rosto de 12.
Quid Juris